terça-feira, 29 de abril de 2008

Continua a chover… há uma semana que chove sem parar.
Tomei decisões: evoluir nas escolhas musicais e trocar de casa, apesar de a obra no apartamento vizinho ter parado. Depois logo vejo o que faça, agora preciso do inesperado.
A minha aranha apareceu morta. Causas naturais, ao que me parece. Senti-me como se tivesse perdido uma filha.
Vou dedicar-me à botânica. Ao estudo das plantas apiáceas. Uma família de plantas onde se encaixam a salsa e a cicuta parece-me interessante. E filosófico.
A cicuta pode vir a ser útil. Nunca se sabe.

7 comentários:

Maria das Mercês disse...

Adorei, sucinto, inteligente e mordaz! Boa, Rita, mas que pena não continuares...

just like u said it would be disse...

bem....a certa altura isto descambou p o lado negro da feitiçaria....mas não me pareceu que fosse simplório...é uma vertente....e uma questão de engrenagem....digo eu que disto apenas um iniciado sou. let's see the next one. :) bem "arrematado" rita

Ricardo disse...

epá desculpem....mas o comentário anterior foi com o meu outro mail. aproveitem e vejam o site. lol

Renata Correia Botelho disse...

Gostei muitíssimo deste final, Rita!

Judite Fernandes disse...

Muito bem rematado Rita...

Mário disse...

remate à baliza, Rita

Susana disse...

Rita, rematas mesmo bem este conto, voltas ao registo original, única maneira de dar algum sentido a isto. Tenho imensa pena que nos deixes, ficamos mancos outra vez!
Parece-me que necessitamos de uma reunião, outro jantar, que dizem?